O TUDO COOPERA! TEM O MAIOR PRAZER EM RECEBER SUA VISITA, ESPERO, DE ALGUMA FORMA, SOMAR COM VOCÊ QUE É SEMPRE MUITO BEM VINDO. VOLTE SEMPRE!

O blog tem este nome porque, eu realmente creio que tudo que acontece, bom ou ruim, acaba contribuindo para o bem, para o crescimento, o amadurecimento, de quem se deixa moldar dentro do processo. Mesmo que na hora não se perceba tal coisa.

segunda-feira, dezembro 31, 2012

FELIZ 2013


Feliz 2013 a todos os amigos que me prestigiaram com sua visita.
Desejo tudo de bom e mais um pouco, sob as asas do Altíssimo.
Ano de grandes realizações para todos nós.

Com carinho,
                                 Lúcia Barros.

quinta-feira, dezembro 20, 2012

MARAVILHOSO!








Como és maravilhoso Senhor!
As palavras são ineficazes para exprimir quão maravilhoso és!
Eu digo para ti que, "nasci em iniquidade, e em pecado me concebeu minha mãe".
Então Senhor, tu me estendes a mão e diz que sou "perfeita, por causa da tua glória que tens colocado sobre mim".
Mas eu Senhor, insisto e te digo: 
"Retira-te de mim, porque sou pecadora". 
E Tu, mesmo sabendo que digo a verdade não se afasta de mim, antes pelo contrário,abres os braços para me receber e dizes: 
"Como és formosa amada minha, como és formosa"!
Formosa?
Eu Senhor?
Sinto-me horrível, por dentro e por fora!
Não viste a minha  atitude ali, há poucos minutos atrás?
Meus pensamentos?
Minhas palavras?
"Oh, amada minha, tu és toda formosa e em ti não há mancha"!
É assim que Eu a vejo!
"Quero fazer o bem Senhor, acho a lei que está comigo o mal."
"Tem bom ânimo" filha amada, "perdoados são os teus pecados"!
"Na minha carne não habita bem algum".
A sua "plenitude está n'Ele", és "perfeita, lavada, santificada, justificada em nome do Senhor Jesus Cristo e no meu Espírito".
És toda formosa amada minha e em ti não há mancha "para proclamares as virtudes de quem te chamou das trevas para sua maravilhosa luz"! As minhas virtudes filha amada que "habita entre os meus ombros".
Senhor, achego-me a ti, dizendo que sou pecadora, e tu me abraças e diz com firmeza e amor, "mas, formosa"!
Amo a ti Deus santo que "conheces a minha alma e não me despreza". 

Como és MARAVILHOSO!

Com carinho,
                            Lúcia Barros.




quarta-feira, dezembro 19, 2012

terça-feira, dezembro 18, 2012

Tocando o arco-íris.



Com carinho,
                                   Lúcia Barros

domingo, dezembro 09, 2012

Conhecendo a Palavra!




Conhecendo a Palavra!


Conhecer a Tua Palavra Pai.
O que poderia acontecer de melhor, a quem andava distante, cabisbaixo, desorientado?
Nada!
Nada é melhor que saber, que tu, Pai, traz direção, proteção, perdão, aconchego, amor, ... sentido para a vida.
Dá motivos para enfrentá-la de cabeça erguida!
Tudo isto, e muito mais, a Tua Palavra me dá.
É plenamente confiável, porque é a Palavra do meu Pai, que é o próprio Deus.
Eterno, Imutável, Onipresente, Onisciente e Onipotente.
Como me conhece!
Se choro e volto-me para ela, o alívio ali está: 
"Vi tuas lágrimas" ; "recolhi no odre". 
Quando oro, me assegura:
"Te ouvirá" ; "tem atendido".

Se me angustio sei que "estás comigo".
Quando me alegro, estou ungida com "o óleo da alegria".
Quando "sou fraca", descubro que, aí é que "sou forte"!
Não importa o dia, a hora, as circunstâncias, ou como se encontra a minha alma.
Na tua Palavra Pai, sempre encontro a resposta.
Tú és o Único que tem poder para suprir todas as minhas necessidades, (sejam no corpo, na alma ou no espírito), com "as tuas riquezas em glória"! 
Pai, amo e creio na tua Palavra.
Ela é a "lâmpada para os meu pés", "escondida no meu coração"!
Presente Teu para nós, que ultrapassa tempo, cultura e o conhecimento humano.

Com carinho,
             Lúcia Barros 

Dia Nacional Da Bíblia


terça-feira, dezembro 04, 2012

Egoísmo X Amor

                              Egoísmo x Amor




Egoísta!
A acusação choca.
Todos temos atitudes egoístas ao longo da vida.
Mas, o egoísmo tem sido uma constante no mundo pós-moderno.
Não se pode ceder, ou adiar os planos em prol de alguém. 
Seja filho, cônjuge, ou outra pessoa da esfera de relacionamento pessoal.
Sempre são os outros que perturbam, não amam, não colaboram.
Nunca a falta de amor, de compreensão, de aceitação, de colaboração, é de quem reclama.
Pais que não assumem a responsabilidade de ser pais, e a transfere para ombros alheios, (seja a sociedade, escola, igreja),  porque o egoísmo os impede de doar-se aos filhos. 
Criar laços verdadeiros e permanentes de afetividade, respeito e amor. Dá trabalho, exige investimento, e que não se pense só em si mesmo.
Filhos há, que nunca colaboram com os pais, pensam somente nas próprias dificuldades, vontades e querem se impor, por não conseguirem olhar além de si mesmos. Pensam e agem como quem tem direito a tudo, sem nenhum tipo de dever, evidenciando o egoísmo.
O egoísta não enxerga ninguém, além de si mesmo.
Há um remédio para tal comportamento, e/ou postura; o amor.
O amor te leva a pensar no outro, a incluí-lo na sua vida, doar-se em prol de quem precisa.
Isto vai muito além de questões materiais, que não exigem envolvimento.
E não é algo apenas superficial, devido a influência natalina.
O egoísmo leva a se esquivar, fugir, enquanto o amor leva a se envolver, estender a mão e ajudar de forma altruísta.
O egoísmo leva a acusar sempre, mas o amor leva a aceitar o outro, e verificar se há, e onde está o erro, para concertar, reconciliar.
Amar, remédio contra todos os males do EU, desequilibrado.
Tirar os olhos de si, e colocar no outro, com empatia, faz o egoísmo se desmanchar, e o amor brotar.
Cuidando, enraíza, cresce, floresce e, com certeza, frutifica.
Não é utopia, e acaba sendo um paradoxo, um altruísmo egoísta, pois, é cuidar de si mesmo amar o outro.



Com carinho,
                     
                            Lúcia Barros
 





segunda-feira, outubro 29, 2012

Livro: Instrutor Silencioso




Instrutor Silencioso

Livro.
Ler.
Conhecer.
Sonhar.
Imaginar.
Criar.
Criar com palavras o que apenas a mente e o coração podem ver, perceber sem entender, e crer.
Um mundo único, a parte, mas dentro.
Tão dentro que sem entrar não se vê nem se entende.
Livro;
Maneira de tocar o invisível, fazê-lo tangível com e através de palavras.
Maneira de, sem sair do lugar, conhecer lugares reais e inventados. 
Viajar através da mente alheia desbravando o desconhecido, sem chegar a conhecer totalmente.
Livro; 
Magia para quem escreve, deixando-se ver e entrever, sem se revelar.
Magia para quem lê, que sempre poderá redescobrir algo novo,no velho, vendo com os mesmos olhos, as mesmas letras/palavras/frases, com olhar diferente, transformado pelo conhecimento adquirido nos amigos vivos/inanimados.
Livro; 
Instrutor silencioso que grita, perturba, sussurra, acalma, ri, chora, e sempre acompanha quem deseja crescer, e que, enquanto cresce para ser, vai sendo sem ser, por não se fechar.


Com carinho,


                                          Lúcia Barros


DIA NACIONAL DO LIVRO

quarta-feira, setembro 19, 2012

Rindo á toa!

 
 
 
 
Viva!
Exista! 
Solte-se!
Sorria!
Ria!
Gargalhe!
Loucura?
Não!
Prazer de viver!
Com carinho 
                        Lúcia Barros 
 

domingo, agosto 19, 2012

Dia mundial da fotografia.

PARABÉNS!








HOJE É O DIA MUNDIAL DA FOTOGRAFIA.

Meus agradecimentos a todos que, mesmo sem saber, embeleza a minha vida, e , consequentemente minha alma.
Que me levam a lugares onde nunca porei os pés,
Que me fazem engrandecer e louvar a Deus, mesmo que nem creiam,
Que me dão prazer através do seu prazer,
Que me fazem ver através dos seus olhos,
Que, involuntariamente, ou voluntariamente, 
se deixam ver pelo que capturam através das lentes.
Que mostram sensibilidade ao expor a beleza sob muitos aspectos.
Que colocam um sorriso nos lábios, brilho nos olhos e entusiasmo na alma, através de fotografias. 
Que registram a história, e, podem mudar rumos dependendo do uso que se faz destes registros.


SINCERAMENTE,

MUITO OBRIGADO.



Com carinho,

              Lúcia Barros.

sexta-feira, maio 11, 2012

Mãe é todo dia




O relacionamento entre mãe e filho é iniciado antes mesmo do nascimento e perdura enquanto um dos dois viver, permeando toda  a existência.
Todos somos filhos e sabemos como é importante ter uma mãe. 

Quando pequenos, está presente nas horas de tristeza trazendo a alegria do conforto apenas por estar ali, junto, fazendo tudo parecer mais fácil e melhor do que realmente é.

Quando adultos, parece não se precisar mais de colo, mas não é verdade, sempre há um momento de grande dor que, de novo, apenas estar junto é suficiente. 

Quando pequenos, em meio a grande responsabilidade de educar para  a vida, o medo e  a angústia de não poder impedir as decepções que farão parte da jornada.
Que vontade de preparar um caminho sem espinhos, só de sorrisos, para o filho que nunca merecerá sofrer, segundo seu imenso amor.
Mas, não só não é possível, como também não é desejável.
Mães sabem que crescer, amadurecer, se tornar não apenas adulto, mas gente, dói. E sofre junto, sabendo que daquela dor emergirá um ser humano melhor. E enquanto a dor não passa busca manter acesa a chama da esperança, sabendo que filhos olham para as mães, não para as circunstâncias. Enquanto a mãe estiver de pé, com a cabeça erguida, nada estará perdido, muito poderá ser ganho. 

Quando adultos, sua herança está em nós, e podemos constatar pela própria experiência, a dedicação, o esforço, a responsabilidade, o trabalho, as preocupações, as dores, as angústias e medos que estão  presente na educação de um filho. Fica evidenciado o amor que nunca foi cobrado, apenas doado em abundância, sempre. As lutas internas sobre as decisões e melhores atitudes a tomar para a felicidade do filho, mantendo o compromisso e a responsabilidade de se educar para a sociedade homens e mulheres de bem. 

Ah... Mãe... 

Um dia para homenagear você, Mãe, que prepara vidas para a vida.
Um dia para homenagear quem, a vida toda, vai estar presente. Mesmo quando ausente.
Um dia para homenagear quem é, em tempo integral, Mãe.
Só um dia Mãe, para lembrar quem não esquece. 
Apenas um dia para alegrar de forma especial, quem faz de você, filho, o motivo da própria  alegria. 

Mãe... que bom que você  existe e possibilita a existência de outros, mesmo quando são gerados no coração. 

PARA TODAS AS MÃES, 
                               FELIZ DIA DAS MÃES!

                                 Com carinho, 
                                                 Lúcia Barros.






 

quinta-feira, março 08, 2012

MULHER VITORIOSA!

Depois de um tempo ausente, estou de volta!
Não poderia deixar de lembrar de tão importante data, não só para nós mulheres, penso, mas para todos, já que vivemos em uma sociedade que busca a igualdade e a qualidade nos relacionamentos.

Lembrar que tudo começou com mulheres morrendo carbonizadas em 8 de março de 1857, porque estavam cansadas de tanta exploração, desrespeito e desigualdade, e que há lugares que isto não mudou muito é deplorável. 
Mas felizmente há o que comemorar e valorizar as conquistas que fazem parte do cotidiano. 
Abraço carinhoso a todas! 
FELIZ DIA INTERNACIONAL DAS MULHERES PARA TODAS NÓS! 





Mulher!

Ser mulher é conciliar todas as tarefas das múltiplas funções; e isto não é fácil!
Há quem teça elogios: 

"Ser mais privilegiado do universo!" 

Ou quem diga: 

"Privilegiada! Por gerar, alimentar, conduzir." 

Mas também há os que consideram o  fato de Deus tê-la criado depois de Adão, e o privilégio de dar a luz como sinais de inferioridade. 
Inferioridade física, emocional, intelectual e até mesmo espiritual! 
Para nossa alegria, o Deus Eterno e Soberano não vê assim, a nós mulheres. 
Nos criou em igualdade, tanto de direitos quanto de deveres; "homem e mulher os criou", diz  as Sagradas Escrituras. Entretanto o pecado dificultou em todas a s áreas, inclusive na da igualdade de criação. 
Nos fez diferentes, para que haja um todo com o homem. Uma peça completando a outra e não subjugando e/ou inferiorizando. 
Submissão e inferiorização são coisas diferentes, que homens e mulheres precisam aprender, para viver no dia  a dia caminhando juntos, rumo à santificação que nos faz parecidos com Cristo, o Modelo Oficial em todas as áreas. 
Jesus Cristo elevou a mulher a uma posição de dignidade, dentro de uma sociedade patriarcal, completamente machista, não considerando-a como mercadoria de pouco ou nenhum valor.
Teve mulher aprendendo a seus pés, quando nenhum outro Rabi o ousaria. 
Dirigiu a palavra a uma mulher, que  era a escória da sociedade, e manteve diálogo estando sozinho com ela, sem ter Sua santidade afetada em nada!
Perdoou a mulher que todos queriam  apedrejar, mostrando que pecado, todos têm,  aconselhando-a, "não peques mais". 
Sendo o mesmo, ontem, hoje e eternamente, continua tendo mulheres aos Seus pés para aprender, integrar, redimir. E, da mesma forma que contou com mulheres no seu ministério terreno, algo impensável à época, continua chamando e contando com mulheres hoje! 
Mulheres que não temam o inimigo, como Débora! 
Que tenham a coragem de Jael!
A sabedoria de Priscila!
Sejam decididas como Rebeca! Sem olhar para trás!
Mulheres, que em séculos passados conciliavam numerosa prole, casa, esposo e ministério, sem negligenciar nenhuma área!

Ser mais privilegiado do universo! Neste 3º milênio Deus continua chamando e capacitando para viver o Seu reino na terra, fazendo a Sua vontade, e, tornando-se assim,  


                               MULHER VITORIOSA! 


Com carinho todo especial, 

                                          Lúcia Barros.