O TUDO COOPERA! TEM O MAIOR PRAZER EM RECEBER SUA VISITA, ESPERO, DE ALGUMA FORMA, SOMAR COM VOCÊ QUE É SEMPRE MUITO BEM VINDO. VOLTE SEMPRE!

O blog tem este nome porque, eu realmente creio que tudo que acontece, bom ou ruim, acaba contribuindo para o bem, para o crescimento, o amadurecimento, de quem se deixa moldar dentro do processo. Mesmo que na hora não se perceba tal coisa.

terça-feira, dezembro 04, 2012

Egoísmo X Amor

                              Egoísmo x Amor




Egoísta!
A acusação choca.
Todos temos atitudes egoístas ao longo da vida.
Mas, o egoísmo tem sido uma constante no mundo pós-moderno.
Não se pode ceder, ou adiar os planos em prol de alguém. 
Seja filho, cônjuge, ou outra pessoa da esfera de relacionamento pessoal.
Sempre são os outros que perturbam, não amam, não colaboram.
Nunca a falta de amor, de compreensão, de aceitação, de colaboração, é de quem reclama.
Pais que não assumem a responsabilidade de ser pais, e a transfere para ombros alheios, (seja a sociedade, escola, igreja),  porque o egoísmo os impede de doar-se aos filhos. 
Criar laços verdadeiros e permanentes de afetividade, respeito e amor. Dá trabalho, exige investimento, e que não se pense só em si mesmo.
Filhos há, que nunca colaboram com os pais, pensam somente nas próprias dificuldades, vontades e querem se impor, por não conseguirem olhar além de si mesmos. Pensam e agem como quem tem direito a tudo, sem nenhum tipo de dever, evidenciando o egoísmo.
O egoísta não enxerga ninguém, além de si mesmo.
Há um remédio para tal comportamento, e/ou postura; o amor.
O amor te leva a pensar no outro, a incluí-lo na sua vida, doar-se em prol de quem precisa.
Isto vai muito além de questões materiais, que não exigem envolvimento.
E não é algo apenas superficial, devido a influência natalina.
O egoísmo leva a se esquivar, fugir, enquanto o amor leva a se envolver, estender a mão e ajudar de forma altruísta.
O egoísmo leva a acusar sempre, mas o amor leva a aceitar o outro, e verificar se há, e onde está o erro, para concertar, reconciliar.
Amar, remédio contra todos os males do EU, desequilibrado.
Tirar os olhos de si, e colocar no outro, com empatia, faz o egoísmo se desmanchar, e o amor brotar.
Cuidando, enraíza, cresce, floresce e, com certeza, frutifica.
Não é utopia, e acaba sendo um paradoxo, um altruísmo egoísta, pois, é cuidar de si mesmo amar o outro.



Com carinho,
                     
                            Lúcia Barros